Boletim

Mantenha-se informado com os nossos boletins


        apenas na Riocamp

Disaster Recovery do Exchange Server 2010

Fonte: Microsoft

06 de dezembro de 2017

Recentemente tive a oportunidade de elaborar um DRP (Disaster Recovery Plan) do ativo de Correio “Microsoft Exchange Server 2010“.

Um dos cenários de Desastre que achei interessante é este e gostaria de compartilhar com vocês.

  • Seu Hardware Físico do Exchange Server pegou fogo, ou ainda teve problemas na placa mãe e não tem reposição de peças por parte do fabricante.
  • Seu Hard Disk que contém todo o sistema operacional, assim como a instalação do Microsoft Exchange Server 2010, foi comprometido e está com problemas de ordem física.
  • O seu estagiário sem querer entrou na LUN e deletou o VHD ou o VMDK do Sistema Operacional do Exchange Server 2010.
  • O seu disco virtual está corrompido e, após várias tentativas, é inútil, você já jogou a toalha.

E para piorar a situação, você não tem um DRP para um dos ativos de Informação mais importantes da sua empresa, o seu servidor de Correio.

  • Mais ainda há uma luz no fim do túnel: você ainda tem o disco virtual, onde quando você foi criterioso ao fazer a implantação do Exchange Server 2010, usou de forma coerente outro disco virtual ou ainda possui todo o backup das Databases (mailbox dos usuários).
  • Você não utiliza um “DAG” (grupo de disponibilidade de banco de dados), onde essa solução pode ser feita com os procedimentos abaixo.

Pois bem, é em cima desses cenários que vou lhe apresentar uma solução para Disaster Recovery do Exchange Server 2010.

O que vamos fazer aqui é basicamente reconstruir o Servidor de Exchange Server 2010 com base nas configurações armazenadas no Active Directory, usando a opção /m:RecoverServer.

Este processo é possível devido a maioria das configurações de um computador executando o Exchange 2010 serem armazenadas no Active Directory.

A recuperação de um servidor do Exchange perdido, frequentemente é realizada usando um hardware novo. No entanto, você também pode usar um servidor existente.

Pré Requisitos relevantes antes de começar:

  1. O servidor no qual a recuperação está sendo realizada, deve estar executando o mesmo sistema operacional do servidor perdido. Por exemplo, você não pode recuperar um servidor que executava o Exchange 2010 e o Windows Server 2008 em um servidor executando o Windows Server 2008 R2, ou vice-versa.
  2. O servidor no qual a recuperação está sendo realizada, deve ter as mesmas características de desempenho e configuração de hardware do servidor perdido.
  3. O procedimento a seguir pode ser executado em um servidor do Exchange 2010 que tenha as funções de servidor de Unificação de Mensagens, Acesso para Cliente, Transporte de Hub ou Caixa de Correio instalado. Não é possível usar Setup /m:RecoverServer para recuperar um servidor de Transporte de Borda.
  4. OBS: Ao acabar o processo de recuperação, o EMC do Exchange vai fazer referências as databases “desmontadas”, porém lembre-se que este processo não restaura as bases de dados, é necessário restaurá-las manualmente. Esse processo pode ser feito com um restore do Backup das databases pelo software gerenciador de Backup ou se você tem um disco virtual separado, poderá atacha-lo no seu Servidor e tentar montar as Bases.
  5. Quando você usa o parâmetro /mode:recoveyserver com o Exchange Setup, o novo servidor precisa ter o mesmo nome do servidor que ele estará substituindo e ter uma configuração de unidade correspondente para as unidades que continham os dados do Exchange. Com isso em mente, você pode recuperar todas as atribuições (exceto para Servidores Mailbox, que fazem parte de um grupo de disponibilidade de banco de dados).
  6. Você não pode usá-lo como uma ferramenta de reparo para fazer recuperação de uma instalação ou desinstalação com falha, ou para reconfigurar um servidor.
  7. Além disso, esse processo não restaura configurações personalizadas que estavam armazenadas no servidor ou nos bancos de dados do Exchange. É um processo de recuperação de emergência (Disaster Recovery), ou seja, não contempla plano de continuidade.

Procedimento

  1. Redefina a conta do computador no domínio do servidor perdido. No “Usuário e Computadores do Active Directory”, clique com o botão direito do mouse no nome do computador e, em seguida, clique em Reset Account ou remova o computador do Active Directory.
  2. Instale o novo servidor e certifique-se de dar a ele o mesmo nome do servidor antigo e uma configuração de unidade correspondente para as unidades que continham dados do Exchange.
  3. Ingresse o servidor no mesmo domínio do servidor perdido.
  4. Instale os componentes do sistema operacional e pré-requisitos necessários. Para evitar problemas, é interessantes instalar o service pack e updates, reproduzindo o máximo possível de semelhança ao nosso antigo falecido servidor com problemas.

    Preparando para instalação do Exchange Server 2010.

    Execute o comando pelo CMD com privilégio de administrador: “servermanagercmd -i RSAT-ADDS”. Depois reinicie o servidor.

    Coloque na pasta onde está o instalador \scripts (ex. “C:\Exchange2010-SP3-x64\scripts”) e execute os dois comandos dentro do CMD com privilegio de administrador:

    • ServerManagerCMD -ip exchange-base.xml
    • ServerManagerCMD -ip exchange-typical.xml

    Os pré-requisitos necessários para a instalação seguem abaixo:

    1. Microsoft .NET Framework 3.5
    2. Windows Remote Management (WinRM) 2.0 CTP3
    3. Windows PowerShell 2.0 CTP3
    4. Update KB 951725
    5. Update KB 950888
    6. Update KB 951116
    7. Update KB 952664
    8. Update KB 953290
    9. Update KB 958178

  5. Faça logon no servidor que está sendo recuperado e abra um prompt de comando com privilégio de administrador.
  6. Navegue até os arquivos de instalação do Exchange 2010 e execute o seguinte comando:

    • Setup/mode:RecoverServer



    Você deve aguardar a inicialização do assistente. Após inicio, podemos verificar abaixo que o sistema de checagem de roles detectou dois componentes faltantes.

    É sempre importante olharmos os logs de instalação gerados na partição do sistema.



    Onde podemos observar (na imagem abaixo) que todas as roles do Exchange Server 2010 puderam ser recuperadas com sucesso do nosso Active Directory.

    No nosso caso, no ambiente anterior não existia um send conector, onde foi relatado na figura abaixo.

    Um detalhe importante após este processo: é recomendável reiniciar o servidor antes de tentar abrir o console do EMC do Exchange Server.

    Logo após restartar o servidor novo, será necessário abrir o EMC do Exchange Server. Percebemos que o processo foi efetuado com sucesso.



    Para finalizar com sucesso a recuperação no meu cenário, eu vou desatachar a unidade nova que havia adicionado e atachar a unidade E: do antigo servidor, onde ficam armazenados os databases.

    Após isso, entro no EMC do Exchange e consigo montar minhas bases normalmente.



    Considerações: Verifiquei na zona primária o antigo IP do meu falecido servidor do Exchange e atribuí ao novo, para não ter problemas com IP/resolução de nome.

    Você não comprometeu seu Active Directory. Procedeu conforme as práticas recomendadas pela Microsoft e conseguiu fazer o Disaster Recovery de pelo menos parte muito importante do seu ambiente!


Voltar     Home     Boletim